O papel da tradição oral a construção da auto-identificação quilombola na Comunidade Santo Antônio dos Pretos em Grajaú-MA

Kelly dos Santos Araújo, Richard Christian Pinto dos Santos

Resumo


Este artigo analisa os discursos de auto-identificação por meio da tradição oral no Quilombo Santo Antônio dos Pretos, no município de Grajaú. A análise se estende ao fato de que comunidades de quilombo, bem como outros moradores rurais, também vêm chamando para si a auto-identificação de quilombolas e para esses espaços da cidade, de quilombos. Procura-se entender o que essa representação expressa, tanto a exclusão da terra no campo, como a segregação socioespacial e racial na cidade. Em ambos os casos, os grupos buscam uma identidade comum. A identificação e a representação do quilombo tornam-se base para a sobrevivência física e cultural, significando também a tentativa de enraizamento social e espacial ou de criação de uma nova territorialidade, a inserção social pela dignidade e a recuperação da autoestima. Postula-se que o processo de luta pela terra por parte da comunidade local, constrói uma subjetivação e uma identidade cultural e social.

Palavras-chave: Quilombo. Identidade. Territorialidade. Tradição oral.

The role of oral tradition in the construction of quilombola self-identification in the Santo Antonio dos Pretos Community in Grajaú-MA

Abstract

This article analyzes the discourses of self-identification through an oral tradition in the Quilombo Santo Antônio dos Pretos, located in the municipality of Grajaú. The analysis extends to the fact that quilombo communities, as well as other rural dwellers, have also been calling for the self-identification of quilombolas and for these spaces of the city, quilombos. It seeks to understand what this representation expresses, both the exclusion of land in the countryside, and social, spatial and racial segregation in the city. In both cases, the groups seek a common identity. The identification and representation of the quilombo become the basis for physical and cultural survival, meaning also the attempt of social and spatial rooting or creation of a new territoriality, social insertion for dignity and recovery of self-esteem. The authors postulate that the process of struggle for land by the Santo Antônio dos Pretos community builds a subjectivities and a cultural and social identity.

Keywords: Quilombo. Identity. Territoriality. Oral tradicton.

 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

ISSN 2674-6972

VISITANTES MUNDIAIS DA REVISTA TURISMO & CIDADES: