O LEGADO DA REVOLUÇÃO RUSSA PARA UMA EDUCAÇÃO TRANSFORMADORA E A POLÍTICA DE SAÚDE BRASILEIRA

Antonio Gonçalves Filho, Cristiana Costa Lima

Resumo


Resgate da experiência da Revolução Russa para a construção de um modelo de educação. Faz breve histórico dos modelos educacionais até o período da Revolução de Outubro e retoma a concepção de educação presentes no pensamento marxista, a partir da contribuição de estudiosos como Manacorda e Pistrak. Aponta as bases para a efetivação de uma educação para além do capital e expõe a importância da contribuição desse processo revolucionário para o modelo de educação transformadora. Do mesmo modo, expõe como a Revolução Russa foi um dos fatores determinantes para a implantação do Estado de Bem-Estar Social no pós-segunda guerra mundial, fato que permitiu a implementação de políticas de caráter universal em vários países mundo afora. No Brasil, os ideários
socialistas inspiraram muitas lideranças do movimento Reforma Sanitária
que levou à criação do Sistema Único de Saúde.

Palavras-chave: Educação, Revolução Russa, educação transformadora, saúde, Sistema Único de Saúde.


Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2018 Revista de Políticas Públicas

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

R. Pol. públ.

ISSN 2178-2865 (online)