O FUTURO DO TRABALHO NO BRASIL: modernização e miséria

Fabrícia Pavesi Helmer, Rodrigo da Rocha Rodrigues, Raquel de Matos Lopes Gentilli

Resumo


Este trabalho tem como objetivo discutir o impacto das orientações neoliberais nas relações de trabalho, considerando as reformas ocorridas na Consolidação das Leis do Trabalho e na atual reforma trabalhista em curso. Metodologicamente, trata de um texto teórico realizado a partir de pesquisa bibliográfica em artigos indexados, na legislação trabalhista, no projeto de lei aprovado e em reflexões técnicas relacionadas ao tema trabalho. Verifica que o impacto da reforma trabalhista na desregulamentação do trabalho no Brasil só tende a se consolidar com sua legalização, além de se considerar que o projeto societário neoliberal se consagra no Brasil em mais uma modernização conservadora. Como conclusão, acredita que as perspectivas futuras, mediante a reforma em curso, só intensificarão a precarização do trabalho, a pobreza, a informalidade
e a desigualdade social no Brasil.

Palavras-chave: Reforma trabalhista, modernização conservadora, precarizaçãodo trabalho, neoliberalismo.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18764/2178-2865.v21n2p641-660

Direitos autorais 2018 Revista de Políticas Públicas

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

R. Pol. públ.

ISSN 2178-2865 (online)