RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL EM SAÚDE: o olhar dos preceptores sobre o processo de ensino-aprendizagem

Luciana da Conceição e Silva, Marcio Eduardo Brotto

Resumo


O estudo é sobre o processo ensino-aprendizagem na Residência Multiprofi ssional em Saúde (RMS) a partir da análise dos relatos de preceptores das áreas de Psicologia, Serviço Social e Enfermagem. Os Programas de Residência Multiprofissional em Saúde fazem parte das estratégias da Política de Formação de Recursos Humanos da Saúde no Brasil e afi rmam ter como objetivo contribuir com a revisão do modelo assistencial através da formação de um novo perfi l profi ssional na saúde. Tem como objetivo aproximar-se dos relatos e percepções dos preceptores sobre o processo de formação na RMS. Tal pesquisa
envolveu as seguintes estratégias metodológicas: revisão bibliográfica;
análise documental; observação de campo e entrevista semiestruturada. Para a análise dos dados utiliza análise de Conteúdo Temática. Nos resultados, observa fragilidades em relação à participação dos preceptores na construção e revisão do Projeto Político Pedagógico bem como aos processos de planejamento do ensino e avaliação do curso, em especial a perspectiva multiprofi ssional.


Palavras-chaves: Saúde, residência, educação.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18764/2178-2865.v20n2p885-901

Direitos autorais 2017 Revista de Políticas Públicas

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

R. Pol. públ.

ISSN 2178-2865 (online)