PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS: um retrospecto da política de estímulo à ciência, tecnologia e inovação

Cristina Camila Teles Saldanha, Letícia Miguel Fontoura de Oliveira, Victor Barros Aburachid, André Dell’Isola Denardi

Resumo


Este estudo busca compreender de maneira retrospectiva como ocorreu o ciclo do programa Ciência sem Fronteiras (CsF) ao considerá-lo uma política pública intersetorial. Para tal, tem como objetivo: descrever a intersetorialidade do CsF enquanto uma política de estímulo à ciência, tecnologia e inovação, uma política educacional e uma política de redução de desigualdades; investigar a formulação, a organização e a gestão do CsF; e verificar como foi a implementação do programa. A partir do estudo de caso do CsF, realiza uma revisão da literatura de políticas públicas, além da apuração de trabalhos empíricos, de informações governamentais e da repercussão midiática sobre o programa. Conclui que embora o programa tenha tido falhas, o seu fim representou um retrocesso no desenvolvimento brasileiro pelo regresso ao incentivo à inovação e por retirar as oportunidades de inclusão social.

Palavras-chave: Programa Ciência Sem Fronteiras. Políticas Públicas.  Intersetorialidade.

SCIENCE WITHOUT BORDERS PROGRAM: a retrospect of the politics of stimulus to science, technology and innovation

Abstract

This study sought to understand retrospectively how the cycle of the program Science Without Border (CsF) took place, by analyzing it as an intersectoral public policy. To do so, it set as goals: to describe the intersectoriality of the program as a stimulus to science, technology and innovation policy, as an educational policy, and as a reduction of social inequalities; to investigate the formulation, organization and management of the program; and to observe the process of implementation.From a case study of the CsF, a review of the public policies literature was made, as well as a canvass of empiric surveys, governmental information and media repercussion about the program. The conclusion was, besides the program’s flaws, its abrupt end represented a kickback to the Brazilian development, due to the withdrawal of the incentives
to innovation and opportunities of social inclusion.

Keywords: Science Without Borders program. Public policies. Intersectoriality.


Palavras-chave


Programa Ciência Sem Fronteiras; Políticas Públicas; Intersetorialidade

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18764/2178-2865.v23n2p675-694

Direitos autorais 2019 Revista de Políticas Públicas

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

R. Pol. públ.

ISSN 2178-2865 (online)