A INFLUÊNCIA DAS ÂNCORAS DE CARREIRA NA SATISFAÇÃO NO TRABALHO PARA OS SERVIDORES DO TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO MARANHÃO

Arlindo Faray Vieira, Sérgio Augusto Pereira Bastos

Resumo


Muito se discute sobre a atuação estatal, sobretudo acerca da qualidade de seus servidores. Dessa forma, este estudo objetiva identificar as principais âncoras de carreira em uma instituição pública, o Tribunal de Contas do Estado do Maranhão, e relacioná-las à satisfação no trabalho. Com esse fim, realiza uma pesquisa descritiva, de abordagem quantitativa, de corte transversal, fazendo uso de um questionário estruturado, validado em pesquisas anteriores. Aborda oito construtos, relativos às âncoras de carreira, como variáveis independentes, a satisfação no trabalho como variável dependente. Os resultados indicaram que as âncoras “segurança e estabilidade” e “competência técnica” são significantes e afetam positivamente a satisfação no trabalho, enquanto a âncora “competência administrativa geral” é inversamente proporcional à satisfação no trabalho. Tais resultados, além da contribuição teórica ao estudo das carreiras públicas, podem contribuir com políticas de gestão de pessoas que, via satisfação no trabalho, produzam serviços de melhor qualidade à sociedade.

Palavras-chave: Servidores públicos. Âncoras de carreira. Satisfação no trabalho.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18764/2178-2865.v23n1p323-338

Direitos autorais 2019 Revista de Políticas Públicas

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

R. Pol. públ.

ISSN 2178-2865 (online)