JOVENS EGRESSOS DO PROJOVEM: reflexões sobre significados atribuídos à experiência de escolarização em um programa de inclusão social

Talita de Jesus da Silva Martins, Maria Alice Melo

Resumo


Neste artigo, refletimos sobre os significados atribuídos à experiência de escolarização de jovens que participaram de um programa federal de inclusão social em São Luís/MA e que tal escolarização mostrou-se positiva em suas trajetórias. Tais percepções têm como base um estudo longitudinal sobre egressos do Projovem desenvolvido pelo Grupo de Pesquisa, intitulado: Escola, Trabalho e Cidadania: um estudo longitudinal com jovens egressos e não ingressantes de um Programa de Inclusão de Jovens (2005-2015) – PPGE/UFMA, cujos resultados evidenciam que a participação no programa trouxe a alguns (a uma parcela dos) jovens pesquisados novos significados para suas vidas. Em suas falas, foram perceptíveis as referências sobre autoestima alta, vontade de continuar os estudos e aquisição de habilidades sociais. Nesse sentido, considerando a sua função de criar condições para a inserção social dos jovens em estado de vulnerabilidade social, percebe-se a influência desse programa como articulador de novos sentidos para essa juventude. Desta forma, apoia-se nos trabalhos de Carrano (2007); Charlot (2013); Nogueira; Fortes (2002); Freire (1991); Esteves; Abramovay (2002) para fazer uma reflexão sobre esses sentidos e sua relação com trajetórias de juventudes com novas percepções de mundo e cidadania.

Palavras-chave: Projovem. Juventude. Escolarização. Inclusão social.

GRADUATES OF PROJOVEM YOUNG: reflections on meanings attributed to the experience of schooling in a social inclusion program

ABSTRACT

In this article, we reflect on the meanings attributed to youth education experience participating in a federal program of social inclusion in São Luís/MA and that such schooling was positive in their trajectories. Such perceptions are based on a longitudinal study of Projovem graduates developed by the Research Group entitled: School, Work and Citizenship: a longitudinal study of young graduates and non-entering of a Youth Inclusion Programme (2005-2015) – PPGE / UFMA, the results show that participation in the program brought some (a portion of ) young people surveyed new meaning to their lives. In his lines were noticeable references to high self-esteem, desire to continue the studies and the acquisition of social skills. In this sense, considering its function of creating conditions for the social integration of young people in a state of social vulnerability, we see the influence of this program as an articulator of new meanings for this youth. Thus, we support the work of Carrano (2007); Charlot (2013); Nogueira and Fortes (2002); Freire (1991); Esteves and Abramovay (2002) to do a reflection on these senses and their relationship with trajectories youths with new perceptions of the world and citizenship.

Keywords: Projovem. Youth. Education. Social inclusion.

JÓVENES GRADUADOS DEL PROJOVEM: reflexiones sobre los significados atribuidos a la vivencia de la escolarización en um programa de inclusión social

RESUMEN

En este artículo, se reflexiona sobre los significados atribuidos a la experiencia de la educación de jóvenes que participan en un programa federal de la inclusión social en Sao Luis/MA y que dicha escolarización fue positivo en sus trayectorias. Dichas percepciones se basan en un estudio longitudinal de Projovem graduados desarrollado por el Grupo de Investigación titulado: escuela, trabajo y ciudadanía: un estúdio longitudinal de los jóvenes titulados y no entrada de un Programa de Inclusión de Jóvenes (2005-2015) – PPGE / UFMA, los resultados muestran que la participación en el programa trajo un poco de (una parte de) los jóvenes encuestados nuevo sentido a sus vidas. En sus líneas eran notables referencias a una alta autoestima, el deseo de continuar los estudios y la adquisición de habilidades sociales. En este sentido, teniendo en cuenta su función de crear las condiciones para la integración social de los jóvenes en un estado de vulnerabilidad social, vemos la influencia de este programa como un articulador de nuevos significados para esta juventud. Por lo tanto, apoyamos el trabajo de Carrano (2007); Charlot (2013); Nogueira y Fortes (2002); Freire (1991); Esteves y Abramovay (2002) que hacer una reflexión sobre estos sentidos y su relación con las trayectorias jóvenes con nuevas percepciones del mundo y de la ciudadanía.

Palabras clave: Projovem. La juventud. La educación. La inclusión social.


Palavras-chave


Projovem. Juventude. Escolarização. Inclusão social.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18764/2358-4319.v9n3p62-88

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista Educação e Emancipação

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

SSN online 2358-4319


FINANCIAMENTO

Agradecemos a Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico do Estado do Maranhão (FAPEMA) pelo financiamento concedido para as publicações 2017/2019 - Edital Periódico nº 009/2017.

 

INDEXADORES E BASES DE DADOS

  Índice de Revistas de Educación Superior e Investigación Educativa (Instituto de Investigaciones sobre la Universidad y la Educación - México)

                       

http://diadorim.ibict.br/bitstream/1/817/1/azul.jpgDiretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras

  

LATINDEXSistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal

  

 Directory of Open Access Journals

 

 

 Resultado de imagem para redib

VISITANTE MUNDIAL