Trabalhadores docentes sob novas acusações

Frederico Guilherme Campos de França, Solange Cardoso

Resumo


Este artigo tem como objetivo realizar uma discussão teórica acerca do trabalho docente, considerando-o central nas relações entre o capital e as condições materiais que envolvem a vida profissional dos professores.  A presente discussão perpassa a ascensão do pensamento neoliberal, ocorrida no final dos anos de 1970, na Inglaterra de Margareth Thatcher e nos Estados Unidos de Ronald Reagan. O contexto de análise inclui o cenário deflagrado pelo resultado da eleição para presidente do Brasil, no ano de 2018, em que o programa de governo do candidato eleito é alinhado às orientações e perspectivas do Banco Mundial, poderoso representante do capitalismo globalizado. Mediante os dados de remuneração do trabalho docente, no Brasil, com destaque para o Distrito Federal, procurou-se comparar a situação do trabalho docente em relação aos argumentos do referido Banco e do novo Governo. As análises apresentadas, ao longo do artigo, indicam que os professores brasileiros estão sendo tratados/apontados como um dos problemas graves para o alcance de uma educação de qualidade e que o trabalho docente vem sendo colocado como ineficiente, pouco comprometido, muito caro e amplamente ligado a causas político-partidárias. Contudo, mesmo diante de um quadro desfavorável, no qual se começa a criar a imagem dos professores como inimigos da nação, muitos docentes continuam na resistência e na luta por melhores condições de trabalho e prestígio social.

Palavras chave: Trabalho Docente. Professores. Educação.

Teaching workers under new indictments

ABSTRACT

This article aims to conduct a theoretical discussion about teaching work, considering it central in the relations between capital and the material conditions that involve the professional life of teachers. This discussion runs through the rise of neoliberal thinking in the late 1970s in Margareth Thatcher's England and Ronald Reagan's United States. The context of analysis includes the scenario triggered by the result of the election of President of Brazil in 2018, whose program of government of the elected candidate is aligned with the orientations and perspectives of the World Bank, a powerful representative of globalized capitalism. Through data on the remuneration of teaching work in Brazil, especially the Federal District, we sought to compare the situation of teaching work in relation to the arguments of the Bank and the new Government. The analyzes presented throughout the article indicate that Brazilian teachers are being treated / pointed as one of the serious problems for the achievement of quality education and that the teaching work has been placed as inefficient, little compromised, very expensive and widely. linked to partisan political causes. However, even in the face of an unfavorable scenario in which teachers are being created as enemies of the nation, many teachers continue to resist and fight for better working conditions and social prestige.

Keywords: Teaching Work. Teachers. Education.

Trabajadores docentes bajo nuevas acusiones

RESUMEN

Este artículo tiene como objetivo llevar a cabo una discusión teórica sobre el trabajo docente, considerándolo central en las relaciones entre el capital y las condiciones materiales que involucran la vida profesional de los docentes. Esta discusión se acerca a la ascensión del pensamiento neoliberal a finales de los años de 1970 en la Inglaterra de Margareth Thatcher y en Estados Unidos de Ronald Reagan. El contexto de análisis incluye el escenario influido por el resultado de la elección del Presidente de Brasil en 2018, cuyo programa de gobierno del candidato elegido está volcado a las orientaciones y perspectivas del Banco Mundial, un poderoso representante del capitalismo globalizado. Mediante los datos de remuneración del trabajo docente, en Brasil, con destaque para el Distrito Federal, se buscó comparar la situación del trabajo docente en relación con los argumentos del Banco y del nuevo Gobierno. Los análisis presentados a lo largo del artículo indican que los docentes brasileños están siendo tratados / señalados como uno de los problemas serios para el alcance de una educación de calidad y que el trabajo docente se ha puesto como ineficiente, poco comprometido, muy costoso y ampliamente. vinculado con las causas políticas partidarias. Sin embargo, ante un escenario desfavorable en el que comienza a crear la imagen de los docentes como enemigos de la nación, muchos docentes continúan en la resistencia y en la lucha por mejores condiciones de trabajo y prestigio social.

Palabras clave: Trabajo Docente. Maestros. Educación.


Palavras-chave


Trabalho Docente. Professores. Educação.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18764/2358-4319.v12n3p157-180

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista Educação e Emancipação

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

ISSN online 2358-4319


FINANCIAMENTO

Agradecemos a Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico do Estado do Maranhão (FAPEMA) pelo financiamento concedido para as publicações 2017/2019 - Edital Periódico nº 009/2017.

 

INDEXADORES E BASES DE DADOS

  Índice de Revistas de Educación Superior e Investigación Educativa (Instituto de Investigaciones sobre la Universidad y la Educación - México)

                       

http://diadorim.ibict.br/bitstream/1/817/1/azul.jpgDiretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras

  

LATINDEXSistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal

  

 Directory of Open Access Journals

 

 

 Resultado de imagem para redib

VISITANTE MUNDIAL