EFEITO DO TRATAMENTO COM NIMESULIDA SOBRE A INFLAMAÇÃO GRANULOMATOSA EM CAMUNDONGOS

Valbert Alves Batista, Graciomar C. Costa, Anne Karine M. Assunção, Mayara Cristina P. Silva, Diêgo Arruda Lopes, Marcio Antonio R. Araújo, Lucilene Amorim Silva, Rosane Nassar M. Guerra, Flávia Raquel F. Nascimento

Resumo


O granuloma induzido por corpo estranho é um modelo experimental de infamação subcrônica que permite a avaliação do efeito de fármacos sobre o extravasamento vascular (edema) e sobre o infltrado celular. A Nimesulida é um anti-infamatório não esteroidal (AINE) que age por vários mecanismos e é largamente utilizada por sua boa tolerabilidade e comodidade de administração. O objetivo deste trabalho foi verifcar o efeito da Nimesulida sobre o modelo de granuloma induzido por corpo estranho. Camundongos Swiss machos (n=6/grupo) receberam implantes subcutâneos de algodão previamente pesados e esterilizados. O grupo Nimesulida foi tratado com o fármaco na dose de 5mg/kg a cada 12 horas, por via oral, por seis dias. Os animais do grupo Controle receberam igual volume de água estéril e apirogênica por via oral, nos mesmos intervalos e pelo mesmo período. Um dia após o período de tratamento, os animais foram sacrifcados, os implantes de algodão retirados e obtido o peso úmido. Os implantes foram pressionados contra lâminas, posteriormente coradas e utilizadas para a contagem diferencial de células. Após dessecagem por 48 horas em estufa, foi obtido o peso seco. Houve diminuição signifcativa do peso úmido do implante e signifcativa alteração do padrão do infltrado celular do granuloma, com diminuição de neutróflos e aumento de macrófagos nos animais tratados com Nimesulida, que apresentaram um padrão tissular de infamação mais tardia se comparados aos animais do grupo Controle. Assim, o
tratamento com Nimesulida modula a resposta infamatória no modelo de granuloma por corpo estranho, podendo nesses casos ser utilizada como controle positivo.

Descritores: Inflamação; Granuloma; Nimesulida.

Abstract:  The cotton pellet granuloma is a subchronic infammation experimental model that allows to assessing the effect of drugs on the vascular leakage (edema) and on the cell infltrate. Nimesulide is a NSAID that acts by several mechanisms and is widely used for its good tolerability and convenience of administration. This experiment aim was to verify the effect of Nimesulide on cotton pellet granuloma. Swiss male mice separated in two groups (n=6/group) received subcutaneous implants of cotton previously weighed and sterilized and began orally treatment with Nimesulide 5mg/kg at interval of  12 hours for six days. Control group animals received an equal volume of sterile and pyrogen-free water orally at the same interval and for the same period. One day after the treatment, the animals were sacrifced and had the implants removed. The wet weight was obtained and the implants pressed against glass slides, then stained and used for differential cell count. There was a signifcant decrease at the wet weigh and a signifcant change in the pattern of granuloma cellular infltrate, with replacement of neutrophils by macrophages in animal treated with Nimesulide. This group showed a more chronic tissue quality compared to the Control group. Then, treatment with Nimesulide is able to modulate the infammation in foreign body granuloma model and can be used as positive control.

Descriptors: Infammation; Granuloma; Nimesulide.


Palavras-chave


Inflamação; Granuloma; Nimesulida

Texto completo:

PDF


Rev Cienc Saude

ISSN 2526-6179 (online)

ISSN 1516-7534 (impresso)