A INTERTEXTUALIDADE IMAGÉTICA: análise das relações imagético-cognitivas mantidas com Pietá de Michelângelo

Ana Claudia Araujo

Resumo


O presente trabalho trata de um estudo sobre a intertextualidade, com enfoque na intertextualidade imagética ou intericonicidade(termo cunhado por Courtine (2006)), configurada a partir de uma perspectiva discursivo-cognitiva e, segundo a qual, os textos icônicos dialogam entre si para produzir sentidos. Objetivamos analisar as relações intertextuais mantidas entre imagens que dialogizam com a escultura Pietá, de Michelangelo, que retrata a virgem Maria segurando seu filho Jesus morto nos braços. Para tal realização, aplicou-se o modelo de análise da intertextualidade/intericonicidade quanto à sua forma e função de ocorrência, proposto por Mozdzenski (2009), às quatro imagens selecionadas para estudo.Os resultados da análise nos permitem dizer que os textos imagéticos mantêm diálogos entre si, captando ou subvertendo o sentido do texto-fonte Pietá.


Palavras-chave


Intertextualidade. Intericonicidade. Texto imagético. Pietá.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2014 Littera on line

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Littera online

ISSN 2177-8868

Indexação:

Resultado de imagem para latindex

Resultado de imagem para miar Information Matrix for the Analysis of Journals

Sumários.org