SUR LA LECTURE DE PROUST: LEITURAS E TRADUÇÕES

Beatrice Távora, Mary Anne Warken S. Sobottka, Sheila Maria dos Santos

Resumo


Em Sur la lecture, prefácio escrito para a tradução de Sesame and lilies, de John Ruskin, Marcel Proust expõe sua visão sobre a função crítica e filosófica da leitura, as quais podem ser aplicadas aos Estudos da Tradução, uma vez que todo ato tradutório parte de uma leitura aprofundada do texto-fonte. Ao mesmo tempo, nas considerações de Borges (1985) a leitura se constitui como uma estratégia crítica baseada na supressão da ideia de hierarquia do original sobre a tradução, validando todas as versões de uma mesma obra. No mesmo sentido, Berman (1995) enfatiza a leitura como uma das etapas constituintes da análise de traduções. É a partir desse olhar que apresentamos neste trabalho uma análise comparativa entre o texto-fonte e as traduções brasileira e argentina.  Através da apresentação e comentários de diferentes fragmentos, discutimos as soluções tradutórias encontradas por Carlos Vogt (1989) e Pedro Ubertone (2003). 


Palavras-chave


Leitura; Tradução; Crítica; Marcel Proust

Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2019 Littera on line

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Littera online

ISSN 2177-8868

Indexação:

Resultado de imagem para latindex

Resultado de imagem para miar Information Matrix for the Analysis of Journals

Notícias