SPATIAL VARIABILITY OF THE GRANULOMETRIC FRACTIONS AND CHEMICAL ATTRIBUTES OF A SANDY SOIL UNDER A NO-TILLAGE SYSTEM

Osvaldo Guedes Filho, Sidney Rosa Vieira, Glécio Machado Siqueira, Márcio Koiti Chiba

Resumo


ABSTRACT: The soils presented heterogeneity of its chemical and physical attributes even in areas considered uniform. The aim of this study was to analyze the spatial variability of the granulometric fractions and of the chemical attributes of a sandy soil under no-tillage system. The work was developed at the Regional Pole of Agribusiness Technology Development from Paulista northwest located in Votuporanga/SP, on an experimental area under no-tillage system. The area measures about 1 ha with the sampling grid of 10 x 10 m. The area soil is a Red Latosol. The granulometric fractions and the chemical attributes of this soil were determined at a depth of 0-0.10 and 0.10-0.20 m. The data were analyzed using descriptive statistics and geostatistics tools for the spatial variability modeling. Most of the variables presented a moderate degree of spatial dependence. The granulometric fractions, water pH, KCl pH , Ca, Na, H, and C presented small variations of its levels in the two analyzed depths. The granulometric fractions and the soil chemical attributes did not present spatial relations between them. There was similarity of the boundary lines for the attributes related to the soil acidic reaction (pH, Al, and H). The spatial stability in the found depth for the granulometric fractions and soil chemical attributes demonstrate the potential management for the area in specific zones.

Key words: soil texture, geostatistics, soil management.

 

VARIABILIDADE ESPACIAL DAS FRAÇÕES GRANULOMÉTRICAS E DE ATRIBUTOS QUÍMICOS DE UM SOLO ARENOSO SOB SISTEMA PLANTIO DIRETO

 

RESUMO: Os solos apresentam heterogeneidade dos seus atributos químicos e físicos mesmo em áreas consideradas uniformes. O objetivo deste trabalho foi analisar a variabilidade espacial das frações granulométricas e de atributos químicos de um solo arenoso sob sistema plantio direto. O trabalho foi desenvolvido no Pólo Regional de Desenvolvimento de Tecnologias do Agronegócio do Noroeste Paulista localizado em Votuporanga/SP, em área experimental sob sistema plantio direto. A área mede cerca de 1 ha com grade de amostragem de 10 x 10 m. O solo da área é um Latossolo Vermelho. Foram determinadas as frações granulométricas e os atributos químicos deste solo na profundidade de 0-0,10 e 0,10-0,20 m. Os dados foram analisados pela estatística descritiva e por ferramentas de geoestatística para modelagem da variabilidade espacial. A maioria das variáveis apresentou moderado grau de dependência espacial. As frações granulométricas, pH água, pH KCl, Ca, Na, H e C apresentaram pequenas variações dos seus teores nas duas profundidades analisadas. As frações granulométricas e os atributos químicos do solo não apresentaram relações espaciais entre si. Houve similaridade das linhas de contorno para os atributos relacionados à reação ácida do solo (pH, Al e H). A estabilidade espacial em profundidade encontrada para as frações granulométricas e atributos químicos do solo demonstram o potencial de manejo da área em zonas específicas.

Palavras-chave: textura do solo, geoestatística, manejo do solo.


Palavras-chave


Soil texture; Geostatistics; Soil management

Texto completo:

PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.22615/2526-1746-jgm-2.1-5889

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Journal of Geospatial Modelling

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

ISSN 2526-1746