ANÁLISE DE MODELOS DE COMPETÊNCIA EM INFORMAÇÃO NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL

Carlos Robson Souza da Silva, Thiciane Mary Carvalho Teixeira

Resumo


 

Estudo sobre competência informacional na Educação Profissional.A informação possui o status de insumo básico da sociedade contemporânea, requerendo assim de seus indivíduos competências para acessar, avaliar e usar as fontes de informações disponíveis. A educação para a Competência em Informação precisa estar presente em todos os níveis educacionais, inclusive na Educação Profissional, modalidade que tem como objetivo a formação de trabalhadores. A pesquisa objetiva analisar e comparar os modelos de Competência em Informação na Educação Profissional desenvolvidos por Spudeit (2015) e Santos (2017). Conceitua Competência em Informação e discute a Educação Profissional no Brasil. Trata de uma pesquisa exploratória e comparativa de abordagem qualitativa, que analisa os Modelos “Programa de Competência em Informação voltado para o ensino profissional” de Spudeit (2015) e “Quadro Conceitual de Inter-relação entre as ‘Sete Faces da Coinfo’ e os ‘Padrões e Indicadores de Coinfo’ com adaptações às características e princípios da EPT”, de acordo com duas categorias: contexto e tipo de unidade de educação profissional e padrões e indicadores. Conclui que os trabalhos de Spudeit (2015) e Santos (2017) demonstram a preocupação da Biblioteconomia e da Ciência da Informação em compreendera complexidade da Educação Profissional e oferecerem subsídios teórico-metodológicos e conceituais para a inclusão da Competência em Informação na formação de futuros trabalhadores.

Palavras-chave: Competência em informação. Educação profissional. Modelos de competência em informação.

Abstract

Information became the basic input of our contemporary society, requiring of its individuals the need to acquire competencies to access, evaluate and use information and the information sources available. The education for information literacy must be present in all educational levels, including vocational educational, which has as objective the education of future workers. This research has as objective to analyse and to compare the models of information literacy in vocational education developed by Spudeit (2015) and Santos (2017). Present the concepts of Information Literacy and debates the Vocational Education in Brazil. This is also an exploratory and comparative research with qualitative approach, which analyses the models “Program of Information Literacy focused on vocational education” of Spudeit (2015) and “Conceptual Framework of Interrelation between the “Seven Faces of InfoLit” and the “Standards and Indicator of InfoLit” with adaptations to the characteristics and principles of Vocational Education”, according to two categories: context and kind of vocational education unity and standards and indicators. Concludes that the works of Spudeit (2015) and Santos (2017) demonstrate the preoccupation of Library and Information Science on understand the complexity of Vocational Educational and offering methodological, theoretical and conceptual subsidies to include information Literacy in the education of future workers.

Keywords: Information literacy. Vocational education. Models of information literacy.


Palavras-chave


Competência em informação; Educação profissional; Modelos de competência em informação

Texto completo:

PDF

Referências


AMERICAN LIBRARY ASSOCIATION. Information literacy competency standards for Higher Education. Chicago, Illinois: ALA, 2000. Disponível em: < http://www.ala.org/acrl/sites/ala.org.acrl/files/content/standards/standards.pdf>. Acesso em: 7 ago. 2018.

ARAÚJO, Ronaldo Marcos de Lima; RODRIGUES, Doriedson do Socorro. Referências sobre práticas formativas em educação profissional: o velho travestido de novo frente ao efetivamente novo. B. Téc. Senac: a R. Educ. Prof., Rio de Janeiro, v. 36, n. 2, maio/ago. 2010. Disponível em: . Acesso em: 7 ago. 2018.

CAMPELLO, Bernadete. O movimento da competência informacional: uma perspectiva para o letramento informacional. Ci. Inf., Brasília, DF, v. 32, n. 3, p. 28-37, set./dez. 2003. Disponível em: . Acesso em: 7 ago. 2018.

CIAVATTA, Maria. A formação integrada: a escola e o trabalho como lugares de memória e de identidade. Trabalho Necessário, Niterói, ano 3, número 3, 2005. Disponível em: . Acesso em: 7 ago. 2018.

DUDZIAK, Elisabeth Adriana. Competência informacional: análise evolucionária das tendências da pesquisa e produtividade científica em âmbito mundial. Informação & Informação, Londrina, v. 15, n. 2, p. 1-22, 2010. Disponível em: . Acesso em: 7 ago. 2018.

______. Os faróis da sociedade de informação: uma análise crítica sobre a situação da competência em informação no Brasil. Informação e Sociedade: Estudos, João Pessoa, v. 18, n. 2, p. 41-53, maio/ago. 2008. Disponível em: . Acesso em: 7 set. 2018.

SANTOS, Camila Araújo dos. Competência em Informação na formação básica dos estudantes da Educação Profissional e Tecnológica. 2017. Tese (Doutorado em Ciência da Informação) – Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Filosofia e Ciências. Disponível em: . Acesso em: 7 ago. 2018.

SPUDEIT, Daniela. Proposta de um programa de desenvolvimento de Competência em Informação para alunos do ensino profissional. Ciência da Informação em Revista, Maceió, v. 2, n. 2, p. 67-77, maio/ago. 2015. Disponível em: Acesso em: 7 ago. 2018.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista Bibliomar

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN 2526-6160

 

 

INDEXADORES E BASES BIBLIOGRÁFICAS:


LATINDEX

Directory of Open Access Journals


logo_livre2.png

Resultado de imagem para redib

 BASE Logo

https://www.sumarios.org/sites/default/files/logo_0.png

Ver a imagem de origem

 VISITANTES MUNDIAIS DA REVISTA BIBLIOMAR: