v. 3, n. 5 (2013)

Modernidade e pós-modernidade

A presente edição de Cadernos Zygmunt Bauman põem em reflexão a sociedade e a sua história, a modelagem das práticas cotidianas e a confusa maneira de nos relacionarmos com o outro. Nessa “vida líquida”, nos gestos de incluir e excluir, somos levados à individualização e, com isso, até as nossas relações com o outro passam a ser constituídas por meio de desejos instantâneos, imediatos, como se o outro, simplesmente, representasse para nós um produto apetecível, descartável. Além do mais, essa moderna “liquidez” inspira insegurança, vazio existencial e desejos conflitantes.

Sumário

Artigos

Jacqueline Oliveira Leão
PDF
Bruno Cesar Mira
PDF
Dóris Ghilardi De Farias, Sérgio Ricardo Fernandes De Aquino
PDF
Guilherme Ferreira Santos, Otávio Guimarães Tavares da Silva
PDF
Francis Albert Cotta, Jacqueline Oliveira Leão
PDF
Cleane Silva Rocha, Aldir Araújo Filho
PDF
Denner Willian Flugge Souza, Aruanã Antonio Dos Passos
PDF