A relevância do negativo no fazer artístico

Laércio dos Santos Martins

Resumo


A proposta filosófica de Alain Badiou de encontrar e desenvolver uma nova perspectiva para analisar a arte a partir da prática do artista, e não mais do resultado de sua prática, isto é, da obra de arte, demanda considerar conceitos psicanalíticos, como o de sublimação e de transferência, por exemplo. Vladimir Safatle desenvolve e analisa a forma psicanalítica plasmada pela nova posição inerente da visada, a qual implica em habilitar o negativo, como insumo conceitual imprescindível para a elaboração filosófica e artística desta novidade. Por nossa vez, o artigo se presta para uma reflexão da criação implicada no fazer do artista tomando-se como base a participação do negativo. Além do atravessamento da relevância da negatividade oriunda do conceito do termo nada através da filosofia, da psicanálise e da arte.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais

ISSN 2236-4099